influenza

Grávidas e a influenza – Grupo Nascer

Segundo relatório da SESA – Secretaria de Saúde do Paraná, de 18 de junho de 2018, 25 gestantes foram diagnosticadas com síndrome respiratória aguda grave causada por influenza neste ano. Você está grávida? Saiba como se prevenir.

A vacinação anual contra Influenza é a principal medida utilizada para se prevenir a doença, porque pode ser administrada antes da exposição ao vírus e é capaz de promover imunidade durante o período de circulação sazonal do vírus Influenza reduzindo o agravamento da doença.

É recomendada vacinação anual contra Influenza para os grupos-alvos definidos pelo Ministério da Saúde, mesmo que já tenham recebido a vacina na temporada anterior, pois se observa queda progressiva na quantidade de anticorpos protetores.

Outras medidas são:
· Frequente higienização das mãos, principalmente antes de consumir algum alimento.
No caso de não haver disponibilidade de água e sabão, usar álcool gel a 70°.
· Utilizar lenço descartável para higiene nasal.
· Cobrir nariz e boca quando espirrar ou tossir.
· Evitar tocar mucosas de olhos, nariz e boca.
· Higienizar as mãos após tossir ou espirrar.
· Não compartilhar objetos de uso pessoal, como talheres, pratos, copos ou garrafas.
· Manter os ambientes bem ventilados.
· Evitar contato próximo a pessoas que apresentem sinais ou sintomas de Influenza.
· Evitar sair de casa em período de transmissão da doença.
· Evitar aglomerações e ambientes fechados (procurar manter os ambientes ventilados).
· Adotar hábitos saudáveis, como alimentação balanceada e ingestão de líquidos.
· Orientar o afastamento temporário (trabalho, escola etc.) até 24 horas após cessar a febre.
· Buscar atendimento médico em caso de sinais e sintomas compatíveis com a doença, tais com: aparecimento súbito de: calafrios, mal-estar, cefaleia, mialgia, dor de garganta, artralgia, prostação, rinorréia e tosse seca. Podem ainda estar presentes: diarréia, vômito, fadiga, rouquidão e hiperemia conjuntival.

Em caso de qualquer dúvida, consulte sempre o seu médico.

 

 

 

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *